A Alta Procura de Desenvolvedores Mobile

A procura por Desenvolvedores Mobile ditará como os profissionais vão se comportar e como as pessoas que ainda não são profissionais vão se qualificar.

E é exatamente isso que está acontecendo no momento. Apesar da crise, o mercado de aplicativos mobile está em crescente alta. E o que as empresas começaram a procurar? Desenvolvedores de aplicativos para smartphone, é simples, as empresas se adequarão ao que o mercado pedir e os profissionais devem fazer o mesmo.

Por isso, hoje, a procura das empresas é por algum profissional que saiba desenvolver aplicativos mobile e faça esse trabalho com responsabilidade.Esse nicho é sem dúvidas a melhor escolha atualmente e nos próximos anos para os jovens que estão entrando no mercado de trabalho e para as pessoas que já fazem parte desse mercado, porém querem se especializar com intuito de entrar nessa nessa área do mercado de trabalho.

E o melhor, segundo um estudo realizada pelo site de carreira em TI(www.dice.com), foi descoberto que os anúncios de emprego para desenvolvedores em Android aumentaram em 302% no primeiro trimestre de 2011 em relação ao mesmo período do ano anterior e para desenvolvedores de iPhone, as vagas cresceram em 220%. Esses índices, apesar de menores, se mantêm positivos atualmente.

No Brasil, o mercado mobile é um dos que mais têm crescido. Segundo pesquisa realizada pela IDC, a venda de tablets aumentou 21% no primeiro semestre de 2014. Ainda de acordo com a pesquisa, já chegamos a quase dois bilhões de usuários no mundo de dispositivos móveis que utilizam Android, iOS e Windows Phone, ou seja, quase um terço da população mundial está conectada.

O que isso significa?

Mais empregos para uma quantidade muito baixa de profissionais especializados na área, gerando uma carência bastante alta e com isso altos salários em comparação com outros da mesma área.

Você pode aproveitar a alta da procura por desenvolvedores de aplicativos mobile de diversas maneiras:

  • Se tornando um desenvolvedor para o sistema operacional (plataforma) iOS: Dessa maneira você irá se especializar na criação de aplicativos para os gadgets da Apple e lembre-se, quanto mais abrangente for o seu aplicativo, ou seja, em quanto mais aparelhos ele funcionar, melhor para você, pois uma pessoa pode ter um iPhone, um iWatch e um iPad e instalar o seu aplicativo nos três e você ganhará algumas vezes mais do que o valor estipulado, com uma pessoa só.
  • Se tornar um desenvolvedor de aplicativos para o sistema operacional (plataforma) Android: Dessa maneira você irá se especializar na criação de aplicativos para os gadgets que possuem o android, isso é bom pois você conseguirá atingir uma grande gama de aparelhos, já que o android é usado pela grande maioria dos smartphones e tablets.
  • Se tornar um desenvolvedor de aplicativos para “multiplataformas”(híbrido): Dessa maneira você conseguirá fazer e adaptar aplicativos para vários sistemas operacionais como iOS, Android e Windows Phone. Assim poderá atingir praticamente todos os tipos de usuários.

Quanto um desenvolvedor de aplicativos mobile ganha?

Existem muitas maneiras de definir isso, mas em uma situação normal e convencional, um profissional capacitado e que se compromete com o trabalho sem poupar esforços, pode ser contratado pela empresa antes mesmo de acabar a faculdade, e ganhar, inicialmente, cerca de R$4,500 iniciais e com o tempo de empresa aumentando, o seu salário também aumentará, podendo chegar até R$12,000.

De acordo com estudos de 2015 da Vision Mobile(http://www.visionmobile.com) , 48% dos desenvolvedores que estão interessados em ganhar dinheiro com aplicativos ganham mais de 1.000 dólares por mês. Pode aparentar ser meio frustrante em saber que até um pouco mais da metade dos desenvolvedores que têm intensão de ganhar dinheiro com aplicativos conseguem nada ou apenas quantias pequenas. Mas se formos analisar os índices das quantidades que os desenvolvedores bem sucedidos ganham, diria que são bem animadores, uma vez que 24% dos desenvolvedores que almejam lucrar com apps ganha entre US$1.000 e US$10.000 por mês, 14% de US$10.000 a US$100.000 por mês, 5% ganha de US$100.000 a US$500.0000 e ainda temos os 5% restantes que ganham mais de 500.000 dólares por mês.

Quais aplicativos desenvolver?

Isso vai depender muito da empresa, mas lendo esse artigo você sairá na frente de outros profissionais e dará, ao seu chefe, dicas sobre os tipos de aplicativos mais populares no Brasil e na plataforma iOS (Plataforma mais procurada para cursos por causa da maioria dos aplicativos pagos) e você terá um chefe orgulhoso e possivelmente um salário maior.

No Brasil as duas categorias de aplicativos mais baixados do ano foram os aplicativos relacionados a comunicação (Whatsapp, facebook) e a segunda categoria mais baixada foi a categoria dos games.

Em dezembro de 2015 a Apple divulgou as categorias de aplicativos mais baixadas no ano e logo abaixo estão as cinco mais populares:

  1. Os games com 22,5% de todos os downloads
  2. Os aplicativos relacionados aos negócios com 10,38% dos downloads
  3. Os aplicativos de educação com 9,44% dos downloads
  4. Os aplicativos que ajudam a melhorar o seu estilo de vida com 8,66% dos downloads
  5. Os aplicativos de entretenimento com 6,43% de todos os downloads.

Agora que você já sabe quais aplicativos estão no topo de downloads do mercado, você pode seguir a linha do mercado e fazer um aplicativo de uma dessas categorias, mas com um diferencial enorme para que ela tenha aceitação ou você pode ir na contramão do mercado e fazer um aplicativo de uma categoria diferente, mas que vai suprir a necessidade do grande público.