O Crescimento do Mercado de Jogos Mobile

Os dispositivos móveis, se tornaram companheiros inseparáveis do homem e com isso veio o surgimento de um novo mercado, o mercado de jogos para smartphones.

Se você for olhar uma lista com os aplicativos mais baixados, em qualquer plataforma ou em todas juntas, você verá que os jogos só não vão estar no topo por causa dos aplicativos de mensagens instantâneas, como o Whatsapp e aplicativos de redes sociais, como o Facebook, isso já era de se esperar.

Mas por que será que a aceitação do público brasileiro para com os games é tão grande?

Eu compartilho do pensamento de vários especialistas, eles dizem que a aceitação é grande, por causa de tudo que o povo brasileiro passa diariamente, a paixão pelos jogos pode ser comparada a paixão pelo futebol.

O futebol é uma paixão nacional e o brasileiro se enche de orgulho para falar que somos o país do futebol, mas a aceitação é grande porquê isso já se tornou uma questão cultural, sendo passada de pai para filho, algo que vem sendo refletido nos jogos mobile.

Exemplo? Você verá pessoas jogando enquanto aguardam em uma fila, pessoas jogando no engarrafamento, enquanto aguardam uma consulta médica.

E falo esses exemplos para você sem exagero algum.

Passando esses fatos para os dados financeiros do mercado de games mobile, ficaria assim:

  • O mercado brasileiro de mobile games tem o terceiro maior crescimento do mundo, para se ter uma ideia, de 2009 a 2014, o crescimento chegou a 780%, isso se deve muito ao fato de que, de lá para cá o preço dos smartphones ficaram muito mais populares. Um bom exemplo, é a linha moto g da extinta motorola (comprada pela lenovo), uma linha atualizada, com um android novo e uma boa estrutura para rodar os jogos.
  • Dentro dos 66 bilhões movimentados anualmente pelos videogames, o Brasil oferece uma pequena grande parcela desse dinheiro, cerca de 1 bilhão anual e 25% desse 1 bilhão veio dos mobile games. Pode parecer pouco, mas pensar que são 66 bilhões divididos para todo um mundo que tem 7 bilhões de pessoas e a maioria delas possui, no mínimo, 2 celulares, podemos considerar uma boa porcentagem. No mercado do mobile game, em especial, ele

Mas e os dados referentes aos jogos?

Cada país joga uma categoria de acordo com a sua cultura, mas a categoria presente e dominante em quase todos eles é a categoria casual e não poderia ser diferente, jogos como angry birds, subway surfers e meu malvado favorito estão nessa categoria.

Mas no Brasil essa categoria fica em segundo, perdendo para quem? Para os jogos de esporte, ou seja, futebol, vólei, basquete e toda essa gama de jogos esportivos dominam os smartphones brasileiros.

Por que?

Acredito que por causa da paixão pelo esporte, o brasileiro tenta, por meio dos jogos, se transportar para a vida de alguns de seus ídolos (pelo menos na parte profissional) e viver um pouco do que eles vivem.  

Quanto a projeção para este ano, é alta, os especialistas dizem que em 2016 o mercado mobile irá movimentar cerca de 36 bilhões e ficará na frente de jogos para computadores e consoles.

A projeção é tão boa para os próximos anos que o BNDES(Banco Nacional do Desenvolvimento) pretende criar leis de incentivos à criação de jogos nacionais para alavancar ainda mais o mercado brasileiro de games mobile.

Só nos resta acreditar que o investimento será feito e torcer para que essas leis sejam efetivadas e a variedade de jogos para smartphones continue crescendo.